Nome do Projeto
Programa de apoio à inclusão qualificada de acadêmicos e acadêmicas com deficiência, com transtorno do espectro do autismo e com altas habilidades ou superdotação no ensino superior
Ênfase
Ensino
Data inicial - Data final
15/05/2020 - 20/12/2023
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Humanas
Resumo
Em curso desde o ano de 2017 em nossa universidade, o “programa de apoio à inclusão qualificada de acadêmicos com deficiência, transtorno do espectro do autismo e com altas habilidades ou superdotação”, vem, com o apoio das bolsas de ensino, auxiliando os processos pedagógicos vivenciados pelos acadêmicos com alguma deficiência, no que tange ao atendimento, ao acompanhamento e ao suporte das necessidades educacionais específicas apresentadas pelos mesmos, inseridos nos mais diferentes cursos de graduação. No conjunto de atividades que vêm sendo desenvolvidas por este programa, destacam-se as tutorias acadêmicas entre pares, as quais vêm possibilitando ao estudante com alguma deficiência, qualificar suas aprendizagens, de modo a alcançar desempenhos acadêmicos mais satisfatórios. Importante registrar que este programa vem respondendo junto à legislação nacional, no campo da acessibilidade e da inclusão da pessoa com deficiência, correspondente a inserção qualificada das mesmas no ensino superior.

Objetivo Geral

Oportunizar o atendimento, o acompanhamento e o auxílio pedagógico individualizado e de forma contínua aos acadêmicos que apresentam alguma deficiência, ou Transtorno do Espectro do Autismo, ou Altas Habilidades e Superdotação, os quais possuem dificuldades mais substanciais em suas aprendizagens, dificuldades estas que podem inclusive comprometer negativamente seus desempenhos acadêmicos.

Justificativa

O Núcleo de Acessibilidade e Inclusão- NAI, mediante as demandas pedagógicas apresentadas pelos acadêmicos e acadêmicas com deficiência, e/ou com transtorno do Espectro do Autismo, e em atendimento à legislação nacional para pessoa com deficiência, a qual prevê a inclusão qualificada das pessoas com deficiência no ensino superior, implementou ainda no ano de 2017 o atendimento educacional especializado, a ser desenvolvido de modo individualizado. Dos atendimentos individualizados realizados originou-se a avaliação, o planejamento, o acompanhamento, e o suporte dos acadêmicos com deficiência relativos aos seus processos de inclusão em nossa universidade.
Como parte fundamental deste processo de inclusão, as tutorias acadêmicas entre pares vêm sendo garantidas mediante a concessão de bolsas de ensino, por intermédio das quais, acadêmicos bolsistas tutores do Núcleo, desenvolvem estudos junto aos acadêmicos com deficiência ou com autismo, realizando acompanhamento e suporte semanal das necessidades educacionais específicas trazidas por eles. O programa também tem garantido a atuação de acadêmicos bolsistas para atendimento das necessidades de tradução e edição de vídeos da língua portuguesa para LIBRAS, para auxílios na transcrição e produção de material em Braille, para planejamento e organização de eventos no campo da inclusão e da acessibilidade, dentre outras demandas sempre em surgimento.
A política de cotas para pessoa com deficiência ou com Transtorno do Espectro do Autismo, quanto ao ingresso para os cursos de graduação, foi implementada a partir do ano de 2017/02, e vem oportunizando crescimento considerável do número de estudantes atendidos e acompanhados pelo NAI. Neste ano de 2020, já ultrapassamos o número de trinta novos acadêmicos ingressantes com alguma deficiência ou transtorno do espectro do autismo, nos mais diferentes cursos de graduação da UFPel, dentre os quais, muito provavelmente, um bom número irá solicitar tutoria acadêmica entre pares ofertadas pelo NAI, ou terão a tutoria indicada como necessária pelas educadoras especiais que os atenderão.
Para além, no último semestre letivo, 2019/02, as tutorias acadêmicas NAI estavam sendo garantidas a trinta e seis acadêmicos com deficiência, cujos estudantes irão necessitar e requer a continuidade das tutorias para os semestres letivos de 2020. Neste sentido, para que o programa de inclusão qualificada do NAI possa continuar garantindo, principalmente as tutorias acadêmicas para os estudantes com deficiência, é que serão necessários no mínimo, quinze bolsistas, uma vez que, no ano de 2019 já conseguimos contar com a atuação de dezoito bolsistas, vinculados à Pró-reitoria de Ensino, no referido programa.
Importante ainda registrar a relevância da participação dos acadêmicos dos cursos de graduação neste programa, como contribuição para a construção de uma jornada universitária mais diversificada, complexa e humana, uma vez que, atuarão, por intermédio da bolsa de ensino, junto às pessoas com deficiência ou com Autismo, auxiliando nas dificuldades de aprendizagens.

Metodologia

Este programa visa dar continuidade a oferta e a garantia, principalmente, das tutorias acadêmicas entre pares do NAI, as quais já vêm atendendo, acompanhando e prestando auxílios pedagógicos para aproximadamente trinta e seis acadêmicos com deficiência ou Transtorno do espectro do Autismo, além da possibilidade de estender estas tutorias aos acadêmicos cotistas por deficiência ingressantes neste ano de 2020, já contabilizados em mais de trinta estudantes, apenas no primeiro semestre letivo.
As tutorias acadêmicas entre pares do NAI vêm sendo ofertadas e garantidas aos acadêmicos com deficiência, ou Transtorno do Espectro do Autismo, ou Altas Habilidades e Superdotação, os quais apresentam dificuldades significativas de aprendizagens, podendo acarretar prejuízos nos desempenhos acadêmicos dos mesmos. Os encontros para fins de realização de tutorias acadêmicas NAI ocorrem semanalmente, de acordo com a necessidade e a disponibilidade do acadêmico com deficiência, sempre em espaços da universidade, para que juntos, tutor e acadêmico em tutoria possam se reunir presencialmente para estudarem, para revisarem conteúdos, resolverem exercícios, organizarem ou atualizarem agendas, e demais demandas, sempre trazidas pelos acadêmicos com deficiência.
Os tutores NAI se apresentam na coordenação do curso de graduação do acadêmico que acompanham e auxiliam nos estudos, e se colocam a disposição para realizarem as mediações com os docentes do semestre em vigência. Estes mesmos tutores são acompanhados, orientados e recebem formação pedagógica da equipe do Núcleo de Acessibilidade e Inclusão. Ao final de cada semestre letivo, será realizada uma reunião para avaliação dos efeitos positivos e das limitações ainda presentes quanto às atuações dos tutores, e quanto ao desenvolvimento dos encontros de tutorias acadêmicas NAI.

Indicadores, Metas e Resultados

O programa em questão intenta contribuir significativamente para a redução das dificuldades de aprendizagens dos acadêmicos com deficiência, ou Transtorno do Espectro do Autismo, ou Altas Habilidades e Superdotação, ao longo dos semestres letivos, de modo a alcançarem aprendizagens efetivas e desempenhos acadêmicos mais satisfatórios.
Propiciar ao acadêmico de graduação, por intermédio da atuação de tutor NAI, experiências teóricas e práticas no campo da inclusão e da acessibilidade da pessoa com deficiência, ou Transtorno do Espectro do Autismo, ou Altas Habilidades e Superdotação.
O Núcleo de Acessibilidade e Inclusão de nossa universidade poder continuar desenvolvendo o trabalho de atendimento, de acompanhamento e de auxílios pedagógicos individualizados aos acadêmicos com deficiência, ou Transtorno do Espectro do Autismo, ou Altas Habilidades e Superdotação ao longo dos semestres letivos.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
CAROLINA DA MOTTA TAVARES
DEBORA CAROLINE FERRAREZI PEREIRA
ESLEY ANDRADE RODRIGUES
FABIELLE LIMA RIBEIRO
FERNANDA LUIZA DE CARVALHO
Fabíola Peres de Souza
GABRIEL DA SILVA PONTES
JENIFER VENDRUSCULO
JOAO PEDRO MELLO SILVA
KIMBERLY RODRIGUES BALSE
LUANA VAHL COUSEN
LUIZA CARVALHO MATTEA
MAIARA SILVEIRA DE OLIVEIRA
MARINA PINHEIRO CORTEZ
MIRIAN PEREIRA BOHRER
PRINCIPE NICOLAI ROLDAN FRANCIA
Pâmela Cristina de Lima Avelar
RAUL SALOMAO DE SOUZA
RICARDO LAGES RODRIGUES
RODRIGO DA SILVA CASCAES PEREIRA
RODRIGO DA SILVA VITAL
RODRIGO KONSGEN ROSSALES
SUSANE BARRETO ANADON
TALITA DOS SANTOS MASTRANTONIO
THAÍS CARDOSO LEMOS
TWAIER GUIMARAES DE SOUZA
UGO RIBEIRO COMPAROTTO
WESLEY SILVA DA ROSA

Página gerada em 20/01/2021 14:46:50 (consulta levou 0.139270s)