Nome do Projeto
Medicina veterinária na vigilância em saúde junto a Secretaria Municipal de Saúde de Pelotas
Ênfase
Extensão
Data inicial - Data final
09/08/2021 - 08/08/2025
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Agrárias
Eixo Temático (Principal - Afim)
Saúde / Educação
Linha de Extensão
Saúde humana
Resumo
Com a compreensão pela ciência em meados do século XX da origem e propagação de diversas doenças infecciosas, tendo como vetores animais domésticos ou silvestres, bem como para assegurar a própria integridade física dos animais, a medicina veterinária passou a ser importante coadjuvante nas políticas de saúde pública dos países. Este trabalho multiprofissional é uma parceria da Secretaria municipal de saúde de Pelotas (SMSA/Pelotas) com a Universidade Federal de Pelotas (UFPel), representada pela Pós-graduação em Veterinária, vinculada a Faculdade de Veterinária da UFPel, com objetivo de auxiliar os sistemas de vigilância em saúde pública na gestão e enfrentamento das epidemias e endemias existentes no município. No âmbito desse projeto, serão desenvolvidas ações de apoio logístico por parte dos médicos veterinários vinculados a Faculdade de Veterinária e ao programa de pós-graduação em veterinária da UFPel as ações de vigilância em saúde no município, sempre sob supervisão da SMSA/Pelotas. O presente projeto tem com objetivos específicos envolver os discentes de graduação e pós-graduação latu e strcito sensu da veterinária em duas frentes de atuação: 1) Ações de enfrentamento a pandemia por Sar-Covid-19 junto a SMA/Pelotas; 2) Ações relacionadas ao controle de enfermidades de caráter zoonótico e transmitidas por vetores no âmbito da vigilância em saúde junto a SMA/Pelotas.

Objetivo Geral

Objetivo Geral: Prestar apoio no âmbito da vigilância em saúde junto a Secretaria Municipal de Saúde de Pelotas.

Objetivos Específicos:
# Atuar nas ações de enfrentamento a pandemia por Sars-Covid-19 junto a SMS
# Realizar ações de controle de enfermidades de caráter zoonótico e transmitidas por vetores âmbito de vigilância epidemiológica
# Realizar ações de controle de enfermidades de caráter zoonótico e transmitidas por vetores âmbito de vigilância ambiental em saúde
# Realizar ações de controle de enfermidades de caráter zoonótico e transmitidas por vetores âmbito de vigilância sanitária

Justificativa

Com a compreensão pela ciência em meados do século XX da origem e propagação de diversas doenças infecciosas, tendo como vetores animais domésticos ou silvestres, bem como para assegurar a própria integridade física dos animais, a medicina veterinária passou a ser importante coadjuvante nas políticas de saúde pública dos países. A propagação de doenças, humanas ou animais, resultando em graves epidemias tem indicado um estado de urgência, demonstrando assim a necessidade de cooperação multidiciplinar para responder a esses desafios. Nesse sentido, considerando a globalização dos problemas de saúde, e que a maior parte das doenças que acometem humanos tem a participação de animais no seu ciclo epidemiológico, é importante que médicos veterinários atuem cada vez mais na saúde pública, como forma de reforçar seu papel profissional e responsabilidade social nessa área.
De fato o médico veterinário se incorpora muito facilmente ao grupo de profissionais de saúde por estar habituado a proteger a população contra as enfermidades coletivas. O tipo de formação recebida pelo veterinário está em harmonia com o conceito de saúde pública, que considera todos os fatores que determinam a saúde coletiva, sem limitar-se às necessidades do indivíduo. Assim, nossa expectativa é de que, com esse projeto, possamos fortalecer a atuação da medicina veterinária nos setores públicos de vigilância municipal, com intuito de capacitar profissionalmente discentes de graduação e pós-graduação, mas, principalmente, de oferecer apoio e aplicar a saúde única a realidade e aos problemas enfrentados na rotina da vigilância em saúde dos gestores do município de Pelotas, Rio Grande do Sul.

Metodologia

Este trabalho multiprofissional é uma parceria da Secretaria municipal de saúde de Pelotas (SMSA/Pelotas) com a Universidade Federal de Pelotas (UFPel), representada pela Pós-graduação em Veterinária, vinculada a Faculdade de Veterinária da UFPel, com objetivo de auxiliar os sistemas de vigilância em saúde pública na gestão e enfrentamento das epidemias e endemias existentes no município.
No âmbito desse projeto, serão desenvolvidas ações de apoio logístico por parte dos médicos veterinários vinculados a Faculdade de Veterinária e ao programa de pós-graduação em veterinária da UFPel as ações de vigilância em saúde no município, sempre sob supervisão da SMSA/Pelotas.
Os médicos veterinários vinculados ao projeto atuarão em diversas frentes na SMSA, de acordo com a demanda municipal. Especificamente atuarão, no âmbito da pandemia por COVID-19, nos processos de digitação das vacinas aplicadas e nas ações de investigação dos casos confirmados ou suspeitos pela enfermidade; alem disso, atuarão nas ações de prevenção de outras enfermidades junto a vigilância em saúde municipal.
Em relação a vacinação contra o coronavírus, a ação terá inicio com a capacitação dos digitadores, a partir da exposição a eles sobre como funcionam os sistemas de cadastramento do Ministério da Saúde e a inserção dos dados no Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunizações (SI-PNI), onde são digitados os espelhos das vacinas. Os digitadores atuarão em dois turnos, manhã (8hs as 11hs30)e tarde (13hs30 a 17hs), nos prédios no laboratório de informática do Instituto Federal Sul-Rio-Grandense (IFSul). Todos os dados são lançados nos sistemas do Ministério da Saúde possibilitam um melhor acompanhamento do avanço da cobertura da vacinação contra a Covid-19. Cada vacina digitada é uma dose contabilizada para a cidade, para o Estado e para o Brasil, com um todo.
Ainda em relação ao enfrentamento da pandemia pela COVID-19, os médicos veterinários vinculados ao projeto atuarão junto aos gestores municipais nas ações de vigilância epidemiológica dos casos ou suspeitos de covid-19, a fim de auxiliar no apoio logístico necessário nessa importante etapa do enfrentamento a essa pandemia, que permite aos gestores a coleta de informação sobre possíveis comunicantes, no intuito de promover um controle mais eficaz da doença no município.
Alem dessas ações a serem realizadas no âmbito da pandemia por COVID-19, os participantes do projeto atuarão junto a vigilância em saúde da SMSA na vigilância primária e secundária de outros problemas de saúde, principalmente as doenças zoonóticas e/ou transmitidas por vetores, de acordo com a demanda municipal.

Indicadores, Metas e Resultados

Este projeto tem como pressuposto básico o caráter interdisciplinar na promoção da saúde e prevenção de doenças de caráter zoonótico no município de Pelotas. Desta forma, tem como principais metas a
integração dos profissionais das áreas da diferentes áreas da saúde. Além disso, a integração dos saberes para encontrar soluções aos problemas comunitários e também facilitar a relação das pessoas que compõem o grupo de trabalho.
Os resultados esperados estão relacionados em envolver um número significativos de alunos de pós-graduação nas ações específicas de apoio logístico no programa de vacinação contra COVID-19 e nas ações de investigação epidemiológica dos casos confirmados e suspeitos de COVID-19 junto a Secretaria Municipal de Saúde de Pelotas.
Além de garantir a promoção do controle e profilaxia das enfermidades de caráter zoonótica e transmitidas por vetores no âmbito dos programas nacionais de controle dessas enfermidades.
Apresentação desses resultados pelos alunos em encontros e eventos regionais e nacionais.
Publicação de artigos em revistas indexadas no esocopo do trabalho, de forma a promover a vibilidade das atividades desenvolvidas no presente projeto.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ALAN SANTOS BEANES
ALINE MACHADO PEREIRA
ALINE SILVEIRA CARDOSO OLIVEIRA
ANA LUCIA PEREIRA SCHILD1
ANA RAQUEL MANO MEINERZ1
AUGUSTO SCHNEIDER1
Ana Luiza Kalb
BIANCA CONRAD BÖHM
BRUNA DA ROSA CURCIO4
BRUNA GAROFALI SIMONE DRABER
BÁRBARA LUIZA MIGUEIS NUNES
CANDIDA GARCIA SINOTT SILVEIRA RODRIGUES
CARINE DAHL CORCINI1
CARLOS EDUARDO WAYNE NOGUEIRA1
CAROLINE DA SILVEIRA ROCKENBACH
CATIA CERICATTO SEGALLA
CATIANE PRESTES DOS SANTOS
CLARISSA CAETANO DE CASTRO
CLAUDIO DIAS TIMM1
CLEBER MARTINS RIBEIRO
CLÁUDIA PINHEIRO MEIRELLES
CRISTIANO SILVA DA ROSA2
CRISTINA GEVEHR FERNANDES1
DANIELA APARECIDA MOREIRA
DANIELE BONDAN PACHECO
DÉBORA MATILDE DE ALMEIDA
DÉBORA RODRIGUES SILVEIRA
EDUARDO SANTIAGO VENTURA DE AGUIAR2
EDUARDO SCHMITT1
ELIZA SIMONE VIEGAS SALLIS1
FABIANE BORELLI GRECCO1
FABIANE DE HOLLEBEN CAMOZZATO FADRIQUE
FABIO PEREIRA LEIVAS LEITE1
FABIO RAPHAEL PASCOTI BRUHN5
FERNANDA DE REZENDE PINTO2
FERNANDO DA SILVA BANDEIRA2
FRANCISCO DE ASSIS ARAÚJO CAMELO JÚNIOR
GABRIELA MORAIS SANTANA
GEFERSON FISCHER1
GRAZIELE SILVEIRA DA COSTA
GUILHERME ALBUQUERQUE DE OLIVEIRA CAVALCANTI1
HAIDE VALESKA SCHEID
HELENICE GONZALEZ DE LIMA5
INARAÃ DIAS DA LUZ
JAYNE DA ROSA PEDROZO
JOAO ALVEIRO ALVARADO RINCON
JOAO LUIZ ZANI1
JÚLIA VARGAS MIRANDA
KATLYN FLAVIA RODRIGUES SOARES
LEANDRO QUINTANA NIZOLI1
LISSETH PAMELA PERALTA CANCHIS
LUIZ FILIPE DAME SCHUCH3
LUIZA SOARES RIBEIRO
LUÍSA MARIANO CERQUEIRA DA SILVA
MANOELA FÁTIMA PACHECO
MARCIA DE OLIVEIRA NOBRE1
MARCIO NUNES CORREA1
MARINA CHAGAS DOS PASSOS
MARLETE BRUM CLEFF1
MARTIELO IVAN GEHRCKE1
MAYARA CAETANO ABREU
MICAL CIPRIANO FELIPE
MORGANA ALVES BORGES
Mariana Wilhelm Magnabosco
Mayana Lima Sá
NADÁLIN YANDRA BOTTON
NAIANA ALVES OLIVEIRA
NATACHA DEBONI CERESER2
NATÁLIA BERNE PINTO
NATÁLIA MACHADO RAHAL
NIELLE VERSTEG
PATRICIA SILVA VIVES1
PAULA PRISCILA CORREIA COSTA1
RAQUELI TERESINHA FRANCA1
ROSIMERI ZAMBONI
SERGIO JORGE1
SILVIA DE OLIVEIRA HUBNER1
TAMIRES SILVA DOS SANTOS
THAMÍRIS PEREIRA DE MORAES
THOMAS NORMANTON GUIM1
TIAGO FELIPE BARBOSA MOREIRA
TIAGO TRINDADE DIAS
TÁBATA PEREIRA DIAS
UILA SILVEIRA DE MEDEIROS
VITTÓRIA BASSI DAS NEVES
VITÓRIA BAIERLE MAGGI
Vitória Ramos de Freitas
WINNIE DE OLIVEIRA DOS SANTOS
WLADIMIR PADILHA DA SILVA1
Ynara Passini

Página gerada em 28/11/2021 15:26:31 (consulta levou 0.351937s)