Nome do Servidor
MARCOS ANTONIO BACCARIN
Matrícula SIAPE
1169126
Categoria
Docente
Data de ingresso no serviço público
15/09/1995
Data de ingresso na UFPel
15/09/1995
Data de ingresso no cargo
17/09/2004
Cargo
Professor do Magistério Superior/Classe/Tit.
Classe / Nível
8 / 801
Titulação
Doutorado
Lotação
Regime / Jornada de Trabalho
Estatutário / Dedicação Exclusiva
Situação
Ativo Permanente

Resumo

Marcos Antonio Baccarin concluiu o doutorado em Ciências Agrárias (Fisiologia Vegetal) pela Universidade Federal de Viçosa em 1995. Atualmente é Professor Titular da Universidade Federal de Pelotas, bolsista de produtividade em pesquisa nivel 2 do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico.Concluiu em fevereiro de 2017 Pós-doutoramento na Università degli Studi di Verona. Foi Presidente da Sociedade Brasileira de Fisiologia Vegetal no período de 2005-2007. Publicou vários artigos em periódicos especializados e trabalhos em anais de eventos. Orienta estudantes de mestrado e doutorado, além de iniciação científica. Atua na área de Botânica, com ênfase em Fisiologia Vegetal. Atuou como membro de avaliação do Comité de Ciências Agrarias da CAPES, para avaliação dos Programa de Pós Graduação, e é avaliador dos curso de graduação credenciado pelo INEP.

Formação acadêmica

Doutorado em Ciências Agrárias (Fisiologia Vegetal) (Universidade Federal de Viçosa, 1995)
Mestrado em Ciências Agrárias (Fisiologia Vegetal) (Universidade Federal de Viçosa, 1992)
Graduação em Engenharia Agronomica (Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, 1989)

Áreas de atuação

Fitotecnia - Fisiologia de Plantas Cultivadas
Fisiologia Vegetal - Nutrição e Crescimento Vegetal
Fisiologia Vegetal - Ecofisiologia Vegetal
Botânica - Fisiologia Vegetal

Informações extraídas do Lattes

Participação do servidor em projetos nos últimos 5 anos

CH indica a carga horária semanal.

Pesquisa
Título do Projeto Início Fim CH
Aspectos bioquímico-moleculares e tecnológicos de atributos de qualidade nutricional, sensorial e funcional em frutas e hortaliças02/09/201802/09/20222
Cinética de indução da FLUORESCÊNCIA como indicativo de condições adversas em oleaginosas e frutíferasCOORDENADOR DO PROJETO02/08/201701/08/20202
O emprego de mutantes fotossintéticos de Arabidopsis thaliana para o estudo e compreensão dos mecanismos de eficiência de conversão da luz em energia química e dissipação térmica da luz em estresse abióticoCOORDENADOR DO PROJETO01/06/201731/05/20202
Caracterização fotossintética durante o ciclo de crescimento em variedades tradicionais (crioulas) e comerciais de feijoeiro comum COORDENADOR DO PROJETO01/08/201730/07/20192
Aspectos bioquímico-moleculares e tecnológicos de atributos de qualidade nutricional, sensorial e funcional em frutas e hortaliças01/09/200601/09/20182
FITORREMEDIAÇÃO A COMPOSTOS DERIVADOS DO PETRÓLEO02/09/201631/07/20183
FITORREMEDIAÇÃO A COMPOSTOS DERIVADOS DO PETRÓLEO02/09/201631/07/20183
Avaliação de formas de aplicação de bactérias para o controle biológico de doença do feijão e seu impacto sobre o ambiente 01/06/201430/07/20181
Avaliação de formas de aplicação de bactérias para o controle biológico de doença do feijão e seu impacto sobre o ambiente 01/06/201430/07/20181
Avaliação de formas de aplicação de bactérias para o controle biológico de doença do feijão e seu impacto sobre o ambiente 01/06/201430/07/20181
Cinética de indução da FLUORESCÊNCIA como indicativo de condições adversas em oleaginosas e frutíferasCOORDENADOR DO PROJETO02/07/201601/08/20172
Caracterização fotossintética durante o ciclo de crescimento em variedades tradicionais (crioulas) e comerciais de feijoeiro comum COORDENADOR DO PROJETO01/06/201531/07/20172
FITORREMEDIAÇÃO A COMPOSTOS DERIVADOS DO PETRÓLEO01/09/201201/09/20163
Cinética de indução da FLUORESCÊNCIA como indicativo de condições adversas em oleaginosas e frutíferasCOORDENADOR DO PROJETO03/07/201401/07/20161
USO DE BACTÉRIAS BIOCONTROLADORAS DE DOENÇAS NO CULTIVO DO ARROZ IRRIGADO: ESTUDO DAS INTERAÇÕES, EPIDEMIOLOGIA, MECANISMOS DE AÇÃO, SOBREVIVÊNCIA E IMPACTO AMBIENTAL01/02/201103/12/20141
USO DE BACTÉRIAS BIOCONTROLADORAS DE DOENÇAS NO CULTIVO DO ARROZ IRRIGADO: ESTUDO DAS INTERAÇÕES, EPIDEMIOLOGIA, MECANISMOS DE AÇÃO, SOBREVIVÊNCIA E IMPACTO AMBIENTAL01/02/201103/12/20141

Disciplinas ministradas nos três últimos semestres

Ano Turma Disciplina CH * Curso
2019/2M1FISIOLOGIA VEGETAL I
Horários
ManhãTardeNoite
SEG14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
16:00 - 16:50
7+4Ciências Biológicas (Bacharelado)
2019/2M2FISIOLOGIA VEGETAL I
Horários
ManhãTardeNoite
SEG14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
16:50 - 17:40
0+4Ciências Biológicas (Licenciatura)
2019/2M1FISIOLOGIA VEGETAL
Horários
ManhãTardeNoite
QUA08:00 - 08:50
08:50 - 09:40
10:00 - 10:50
10:50 - 11:40
QUI16:00 - 16:50
16:50 - 17:40
12+6Agronomia (Bacharelado)
2019/2M2FISIOLOGIA VEGETAL
Horários
ManhãTardeNoite
QUA08:00 - 08:50
08:50 - 09:40
10:00 - 10:50
10:50 - 11:40
SEX10:00 - 10:50
10:50 - 11:40
0+6Agronomia (Bacharelado)
2019/2M3FISIOLOGIA VEGETAL
Horários
ManhãTardeNoite
QUA08:00 - 08:50
08:50 - 09:40
10:00 - 10:50
10:50 - 11:40
QUI14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
0+6Agronomia (Bacharelado)
2019/2M4FISIOLOGIA VEGETAL
Horários
ManhãTardeNoite
QUA08:00 - 08:50
08:50 - 09:40
10:00 - 10:50
10:50 - 11:40
SEX08:00 - 08:50
08:50 - 09:40
0+6Agronomia (Bacharelado)
2019/1M1FISIOLOGIA VEGETAL
Horários
ManhãTardeNoite
QUA08:00 - 08:50
08:50 - 09:40
10:00 - 10:50
10:50 - 11:40
QUI16:00 - 16:50
16:50 - 17:40
12+6Agronomia (Bacharelado)
2019/1M2FISIOLOGIA VEGETAL
Horários
ManhãTardeNoite
QUA08:00 - 08:50
08:50 - 09:40
10:00 - 10:50
10:50 - 11:40
SEX10:00 - 10:50
10:50 - 11:40
0+6Agronomia (Bacharelado)
2019/1M3FISIOLOGIA VEGETAL
Horários
ManhãTardeNoite
QUA08:00 - 08:50
08:50 - 09:40
10:00 - 10:50
10:50 - 11:40
QUI14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
0+6Agronomia (Bacharelado)
2019/1M4FISIOLOGIA VEGETAL
Horários
ManhãTardeNoite
QUA08:00 - 08:50
08:50 - 09:40
10:00 - 10:50
10:50 - 11:40
SEX08:00 - 08:50
08:50 - 09:40
0+6Agronomia (Bacharelado)
2019/1T1LABORATÓRIO DE FISIOLOGIA VEGETAL
Horários
ManhãTardeNoite
SEG14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
0+2Fisiologia Vegetal (Mestrado acadêmico)
Fisiologia Vegetal (Doutorado)
2019/1T2LABORATÓRIO DE FISIOLOGIA VEGETAL
Horários
ManhãTardeNoite
SEG16:00 - 16:50
16:50 - 17:40
0+2Fisiologia Vegetal (Mestrado acadêmico)
2018/2M1FISIOLOGIA VEGETAL
Horários
ManhãTardeNoite
QUA08:00 - 08:50
08:50 - 09:40
10:00 - 10:50
10:50 - 11:40
QUI16:00 - 16:50
16:50 - 17:40
14+12Agronomia (Bacharelado)
2018/2M2FISIOLOGIA VEGETAL
Horários
ManhãTardeNoite
QUA08:00 - 08:50
08:50 - 09:40
10:00 - 10:50
10:50 - 11:40
SEX10:00 - 10:50
10:50 - 11:40
0+12Agronomia (Bacharelado)
2018/2M3FISIOLOGIA VEGETAL
Horários
ManhãTardeNoite
QUA08:00 - 08:50
08:50 - 09:40
10:00 - 10:50
10:50 - 11:40
QUI14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
0+12Agronomia (Bacharelado)
2018/2M4FISIOLOGIA VEGETAL
Horários
ManhãTardeNoite
QUA08:00 - 08:50
08:50 - 09:40
10:00 - 10:50
10:50 - 11:40
SEX14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
0+12Agronomia (Bacharelado)
2018/2M1FISIOLOGIA VEGETAL I
Horários
ManhãTardeNoite
SEG14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
16:00 - 16:50
7+17Ciências Biológicas (Bacharelado)
2018/2M2FISIOLOGIA VEGETAL I
Horários
ManhãTardeNoite
SEG14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
16:50 - 17:40
7+17Ciências Biológicas (Licenciatura)
2018/2MBPESQUISA EM FISIOLOGIA VEGETAL
Horários
ManhãTardeNoite
SEG10:50 - 11:40
1+0Fisiologia Vegetal (Doutorado)

* CH - na Graduação indica a carga horária no período; na Pós-Graduação indica a carga horária semanal.

Página gerada em 21/10/2019 07:25:24 (consulta levou 1.707240s)