Nome do Servidor
LUIS ANTONIO DE AVILA
Matrícula SIAPE
1294221
Categoria
Docente
Data de ingresso no serviço público
25/01/1999
Data de ingresso na UFPel
25/11/2009
Data de ingresso no cargo
01/03/2013
Cargo
Professor do Magistério Superior/Assoc./Tit.
Classe / Nível
7 / 704
Titulação
Doutorado
Lotação
Regime / Jornada de Trabalho
Estatutário / Dedicação Exclusiva
Situação
Ativo Permanente

Resumo

possui graduação em Agronomia pela UFSM (1996), mestrado em Agronomia pela UFSM (1999) e Ph.D. em Agronomia pela Texas A&M University (2005). Foi Professor da Universidade Federal de Santa Maria entre de 1999 a 2009. Desde de 2009 é Professor Associado da Universidade Federal de Pelotas. Docente permanente do Programa de Pós-graduação em Fitossanidade e do Programa de Pós-graduação em Fisiologia Vegetal. Tem experiência na área de Agronomia, atuando principalmente nos seguintes temas: Fisiologia de herbicidas; Mudanças climáticas e herbologia; Dinâmica de herbicidas no ambiente; Impacto ambiental; Plantas daninhas; e Manejo de arroz irrigado. Tem experiência administrativa como vice-coordenador (2010-2013) e coordenador (2013-2017) do Programa de Pós-Graduação em Fitossanidade (Nível 6). Publicou 100 artigos científicos e 3 capítulos de livros. Orientou 4 alunos de doutorado e 18 de mestrado. E atualmente orienta 8 alunos de doutorado e 2 de mestrado. Supervisionou 16 cientistas em estágio pós-doutoral. Atualmente é segundo vice-presidente da Sociedade Brasileira da Ciência das Plantas Daninhas (2019-2021); Membro ?ex-officio? da International Weed Science Society (2018-2020) e Presidente do Comitê Científico do 8th International Weed Science Congress que será realizado em Bangkok na Tailândia em 2020. Tem marcante atuação internacional com cooperação com diversas instituições e pesquisadores no exterior com publicação conjunta de artigos científicos e com aprovação de projetos de cooperação internacional. Coopera em ensino com algumas instituições da América Latina, ministrando Curso na UNAL em Puno no Peru, e disciplina de Fisiologia de Herbicidas na Universidad Nacional de Colombia em Bogotá para alunos de pós-graduação. Ministrou diversas palestras em instituições internacionais como: CIAT na Colômbia, INIA no Uruguai, Jülich Forschungszentrum, Syngenta Asia Pacific Headquarters em Singapura, e Jeallot?s Hill International International Research Centre, na Inglaterra, em Rothamstead na Inglaterra e na reunião anual da Weed Science Society of Thailand (2018). Tem experiência em coordenação projetos de cooperação internacional: atualmente coordena o projeto de cooperação internacional aprovado pela FAPERGS com o Projeto ?Training the Next Generation of Weed Scientists? em cooperação com o Dr. Franck Dayan, com duração de 3 anos com a Colorado State University (2019-22); Coordenou o projeto do edital PVE intitulado "Proteção do cultivo do arroz irrigado em face às mudanças climáticas globais" em cooperação com o Dr. Lewis Ziska do USDA (2014-19); Foi vice-coordenador do Projeto PVE "Cooperação internacional para estudo de resistência de plantas daninhas a herbicidas" em cooperação com a Dra. Nilda Burgos da University of Arkansas (2014-19); Coordenou o projeto intitulado Cooperação Internacional em Herbologia e Mudanças Climáticas financiado pela FAPERGS em cooperação com o Dr. Albert Fischer da UCDavis (2014-15); Colaborou no Projeto CAPES/DAAD-PROBRAL com o Jülich Forschungszentrum da Alemanha coordenado pela Profa. Deborah Dick (2010-12); Foi vice-coordenador do Projeto de cooperação internacional aprovado pela CAPES/FIPSE intitulado ?Providing Education in Face of Climate Change, Food and Energy Scarcity?, que teve participação da UFSM, UFMT, Kansas State e Mississippi State University (2008-2012); Coordenou um subprojeto do projeto de cooperação internacional para estudo da dinâmica de imidazolinonas financiado pela FONTAGRO envolvendo EUA, Argentina, Uruguai, Colômbia, Venezuela (2007-10); Coordenou o projeto PVE para vinda do Prof. Joseph Massey por 45 dias no Brasil (2007-08); Elaborou o projeto de PVE do Prof. Dr. Scott Senseman que realizou seu sabático de seis meses na UFSM (2005-06).

Formação acadêmica

Doutorado em Agronomy Environmental Fate Of Herbicides (Texas A&M University System, 2005)
Mestrado em Agronomia (Universidade Federal de Santa Maria, 1999)
Graduação em Agronomia (Universidade Federal de Santa Maria, 1996)

Áreas de atuação

Agronomia - Fisiologia da Ação de Herbicidas
Agronomia - Matologia
Agronomia - Comportamento Ambiental de Agrotóxicos
Agronomia - Adaptação de Cultivos às Mudanças Climáticas
Agronomia - Agricultura e Ambiente
Agronomia - Estresses Ambientais e Herbologia

Informações extraídas do Lattes

Participação do servidor em projetos nos últimos 5 anos

CH indica a carga horária semanal.

Pesquisa
Título do Projeto Início Fim CH
Identificação, caracterização e mecanismos envolvidos na resistência de leiteira aos inibidores da hidroxifenil piruvato dioxigenase (HPPD) no Rio Grande do Sul02/05/201930/04/20231
Uso da rotação de sistemas de cultivo no manejo de arroz daninho resistente a inibidores de acetolactato sintase03/08/201830/09/20221
Modelagem matemática do fluxo de emergência de plantas daninhas na cultura da soja em função das práticas de manejo02/03/201801/03/20221
Desenvolvimento de ciência, tecnologia, inovação e capacitação de recursos humanos em herbologia COORDENADOR DO PROJETO01/01/201731/12/20212
Identificação e mecanismos de resistência de Cyperus iria e Echinochloa colona a herbicidas24/05/201930/09/20211
Caracterização morfoanatômica e manejo de capim rabo-de-burro24/05/201923/05/20211
Influência da direção de semeadura sobre produtividade e eficiência de controle de plantas daninhas por herbicidas na cultura do arroz (Oryza sativa L.) irrigadoCOORDENADOR DO PROJETO02/05/201602/05/20211
Efeito da submersão e das concentrações de CO2atmosféricoCOORDENADOR DO PROJETO02/05/201602/05/20211
Interação entre Deriva do Herbicida 2,4-D e Severidade de Ferrugem Asiática (Phakopsora pachyrhizi Sydow) em Soja (Glycine max L. Merril)COORDENADOR DO PROJETO02/05/201602/05/20211
SEQUENCIAMENTO E ANÁLISE DO TRANSCRIPTOMA DE Conyza bonariensis SENSÍVEL E RESISTENTE AO GLIFOSATO ATRAVÉS DE FERRAMENTAS DE RNA-Seq 10/03/201709/03/20211
Atividade alelopática e determinação de aleloquímicos por UPLC-MS e GC-MS em extratos de Heteranthera reniformis13/02/201712/02/20211
Degradação acelerada e desenvolvimento de formulações de liberação controlada de herbicidas do grupo químico das imidazolinonas15/05/201730/10/20201
Uso de plantas na mitigação de águas contaminadas com resíduo de agrotóxicos09/03/201801/10/20201
Biologia de Silene gallica L. e seu manejo em áreas de produção de sementes de espécies forrageiras de clima temperadoCOORDENADOR DO PROJETO01/04/201601/09/20201
Evolução de Capim arroz e Arroz vermelho submetidas aos estresses abióticosCOORDENADOR DO PROJETO28/03/201601/09/20201
Tolerância ao estresse hídrico em capim-annoni 2 (Eragrostis plana) e suas implicações nas relações competitivas com Paspalum notatum e no controle químicoCOORDENADOR DO PROJETO28/03/201601/09/20201
GERMINAÇÃO DE ECÓTIPOS DE CAPIM-ANNONI-2 (Eragrostis plana), BANCO DE SEMENTES E CONSEQUÊNCIAS DA LUZ NO SEU DESENVOLVIMENTOCOORDENADOR DO PROJETO27/04/201601/08/20201
ASPECTOS FISIOLÓGICOS, BIOQUÍMICOS E COMPONENTES DO RENDIMENTO DE GENÓTIPOS DE ARROZ IRRIGADO SUBMETIDOS A CONDIÇÕES SUPRAÓTIMAS DE TEMPERATURA01/05/201630/04/20201
ASPECTOS FISIOLÓGICOS, BIOQUÍMICOS E COMPONENTES DO RENDIMENTO DE GENÓTIPOS DE ARROZ IRRIGADO SUBMETIDOS A CONDIÇÕES SUPRAÓTIMAS DE TEMPERATURA01/05/201630/04/20201
Deriva de glifosato em arroz e remediarão mediante adubação nitrogenada01/11/201831/12/20191
Efeito de deriva do herbicida EnlistDuoTM sobre frutíferas de clima temperado e qualidade fisiológica de sementes de soja 10/03/201710/03/20191
DETECÇÃO DA RESISTÊNCIA DE Bidens pilosa, Echinochloa crus-galli e Oryza sativa A HERBICIDAS INIBIDORES DA ALS POR MÉTODO DE CULTIVO IN VITRO10/03/201703/03/20191
Comportamento de herbicidas pré-emergentes sob condições de plantio direto de arroz irrigado07/10/201631/10/20181
Deriva de glifosato em arroz e remediarão mediante adubação nitrogenada07/10/201631/10/20181
Associação de herbicidas sobre o crescimento de plantas de arroz- daninho (Oryza sativa)COORDENADOR DO PROJETO28/03/201603/09/20181
Dinâmica ambiental do herbicida 2,4-D em áreas agrícolas do Rio Grande do Sul21/03/201601/09/20181
Manejo químico do azevém (Lollium multiflorum) resistente a glifosato em terras baixas e seus efeitos na cultura do arroz irrigado04/12/201531/12/20171
PROSPECÇÃO DE GENES RELACIONADOS AOS PROCESSOS DE PRODUÇÃO, GERMINAÇÃO, EMERGÊNCIA E DETERIORAÇÃO DE SEMENTES23/05/201420/12/20174
Mudanças morfofisiológicas, metabólicas e moleculares na cultura do arroz e em plantas daninhas C3 e C4 submetidas a estresses abióticos10/10/201310/10/20171
Utilização de faixas de retenção na redução de escoamento do herbicida sulfentrazone02/05/201630/09/20171
Eficiência da ozonização na degradação de produtos fitossanitários oriundos de excedentes de caldas de pulverização02/05/201630/09/20171
Eficiência da ozonização na degradação de produtos fitossanitários oriundos de excedentes de caldas de pulverização02/05/201630/09/20171
Utilização de faixas de retenção na redução de escoamento do herbicida sulfentrazone02/05/201630/09/20171
Período de interferência de capim arroz (Echinochloa spp.), em função do manejo de irrigação e influência da temperatura de aplicação na eficiência de herbicidas03/08/201503/08/20171
Aumento da concentração de CO2 atmosférico e seu efeito sobre a seletividade de herbicidas e controle de plantas daninhas da lavoura de arroz irrigadoCOORDENADOR DO PROJETO27/10/201301/03/20172
CONTROLE DE CAPIM-ARROZ E ARROZ-VERMELHO EM ARROZ IRRIGADO EM FUNÇÃO DE ÉPOCA DE SEMEADURA E MANEJO DA IRRIGAÇÃOCOORDENADOR DO PROJETO01/03/201101/03/20172
CARACTERIZAÇÃO BIOLÓGICA E FISIOLÓGICA DE BIÓTIPOS DE Echinochloa spp. RESISTENTES A HERBICIDAS INIBIDORES DE ALSCOORDENADOR DO PROJETO27/04/201531/08/20162
Estudo dos efeitos resultantes da associação de herbicidas inibidores das enzimas Acetolactato Sintase e da Protoporfirinogênio OxidaseCOORDENADOR DO PROJETO20/04/201518/08/20162
Residual de Herbicidas em Plantas Forrageiras e Plantas FitorremediadorasCOORDENADOR DO PROJETO08/04/201518/08/20162
Herbicidas pré-emergentes na cultura da soja em terras baixas: seletividade, controle de arroz vermelho e uso de faixa filtro05/02/201531/07/20164
Efeito do tratamento de sementes em arroz irrigado semeado em período de baixas temperaturas na velocidade de emergência e na melhoria da seletividade a herbicidasCOORDENADOR DO PROJETO16/09/201314/09/20152
Efeito residual e degradação do herbicida picloram em solo hidromórficoCOORDENADOR DO PROJETO16/09/201314/09/20152
Ocorrência e alternativas de controle de biótipos de Sagittaria montevidensis resistentes a herbicidas utilizados na cultura do arroz irrigadoCOORDENADOR DO PROJETO16/09/201314/09/20151
Competição de capim arroz (Echinochloa spp.) com soja cultivada na várzeaCOORDENADOR DO PROJETO01/07/201302/07/20152
Inovação e tecnologia na ciência do manejo de integrado de doenças de plantas e capacitação de recursos humanos em Fitopatologia01/03/201828/02/20225
Ensino
Título do Projeto Início Fim CH
Desenvolvendo Competências Internacionais Através do Ensino Tutorial06/05/201809/04/20201
46ª Semana Acadêmica da AgronomiaCOORDENADOR DO PROJETO23/06/201602/09/20161
Extensão
Título do Projeto Início Fim CH
Projeto de formação de recursos humanos e extensão em herbologia09/05/201909/05/20231

Disciplinas ministradas nos três últimos semestres

Ano Turma Disciplina CH * Curso
2019/2M1HERBOLOGIA
Horários
ManhãTardeNoite
SEX14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
16:00 - 16:50
12+18Agronomia (Bacharelado)
2019/2M2HERBOLOGIA
Horários
ManhãTardeNoite
TER14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
16:00 - 16:50
12+18Agronomia (Bacharelado)
2019/2M1MANEJO INTEGRADO DE PLANTAS DANINHAS
Horários
ManhãTardeNoite
SEG16:00 - 16:50
16:50 - 17:40
6+18Agronomia (Bacharelado)
2019/2M2MANEJO INTEGRADO DE PLANTAS DANINHAS
Horários
ManhãTardeNoite
SEG14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
6+18Agronomia (Bacharelado)
2019/2M1MANEJO INTEGRADO DE PLANTAS DANINHAS
Horários
ManhãTardeNoite
SEG10:00 - 10:50
10:50 - 11:40
QUI14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
16:00 - 16:50
16:50 - 17:40
24+36Agronomia (Bacharelado)
2019/2LAORIENTAÇÃO
Horários
ManhãTardeNoite
SAB14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
2+0Fitossanidade (Mestrado acadêmico)
Fitossanidade (Doutorado)
2019/2AVPESQUISA EM FISIOLOGIA VEGETAL
Horários
ManhãTardeNoite
SEX16:50 - 17:40
1+0Fisiologia Vegetal (Mestrado acadêmico)
Fisiologia Vegetal (Doutorado)
2019/2T1FISIOLOGIA DA AÇÃO HERBICIDA
Horários
ManhãTardeNoite
QUI08:00 - 08:50
08:50 - 09:40
10:00 - 10:50
10:50 - 11:40
2+2Fitossanidade (Mestrado acadêmico)
Fisiologia Vegetal (Doutorado)
Fitossanidade (Doutorado)
2019/2M99TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO I0+18Agronomia (Bacharelado)
2019/1M1HERBOLOGIA
Horários
ManhãTardeNoite
SEX14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
16:00 - 16:50
12+18Agronomia (Bacharelado)
2019/1M2HERBOLOGIA
Horários
ManhãTardeNoite
TER14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
16:00 - 16:50
12+18Agronomia (Bacharelado)
2019/1M1MANEJO INTEGRADO DE PLANTAS DANINHAS
Horários
ManhãTardeNoite
QUA14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
16:00 - 16:50
16:50 - 17:40
QUI16:00 - 16:50
16:50 - 17:40
24+36Agronomia (Bacharelado)
2019/1M2MANEJO INTEGRADO DE PLANTAS DANINHAS
Horários
ManhãTardeNoite
SEG14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
16:00 - 16:50
16:50 - 17:40
QUI14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
24+36Agronomia (Bacharelado)
2019/1AVPESQUISA EM FISIOLOGIA VEGETAL
Horários
ManhãTardeNoite
SEX17:40 - 18:30
1+0Fisiologia Vegetal (Mestrado acadêmico)
Fisiologia Vegetal (Doutorado)
2019/1T1EFEITO DE MUDANÇAS CLIMÁTICAS EM HERBOLOGIA
Horários
ManhãTardeNoite
QUI08:00 - 08:50
08:50 - 09:40
10:00 - 10:50
10:50 - 11:40
2+2Fitossanidade (Mestrado acadêmico)
Fitossanidade (Doutorado)
2019/1LAORIENTAÇÃO
Horários
ManhãTardeNoite
SAB14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
2+0Fitossanidade (Mestrado acadêmico)
Fitossanidade (Doutorado)
2019/1T1INTRODUÇÃO A MÉTODOS ANALÍTICOS EM HERBOLOGIA
Horários
ManhãTardeNoite
QUI14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
16:00 - 16:50
16:50 - 17:40
0+0Fitossanidade (Mestrado acadêmico)
Fitossanidade (Doutorado)
2018/2M1HERBOLOGIA
Horários
ManhãTardeNoite
SEX14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
16:00 - 16:50
10+17Agronomia (Bacharelado)
2018/2M2HERBOLOGIA
Horários
ManhãTardeNoite
TER14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
16:00 - 16:50
14+17Agronomia (Bacharelado)
2018/2M1MANEJO INTEGRADO DE PLANTAS DANINHAS
Horários
ManhãTardeNoite
QUA14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
16:00 - 16:50
16:50 - 17:40
QUI16:00 - 16:50
16:50 - 17:40
22+34Agronomia (Bacharelado)
2018/2M2MANEJO INTEGRADO DE PLANTAS DANINHAS
Horários
ManhãTardeNoite
SEG14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
16:00 - 16:50
16:50 - 17:40
QUI14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
24+34Agronomia (Bacharelado)
2018/2M1CONTROLE PLANTAS DANINHAS CULTURAS ESPECIAIS
Horários
ManhãTardeNoite
SEX08:00 - 08:50
08:50 - 09:40
10:00 - 10:50
0+17Agronomia (Bacharelado)
2018/2T1MANEJO SUSTENTÁVEL DE PLANTAS DANINHAS EM SISTEMAS AGRÍCOLAS
Horários
ManhãTardeNoite
QUA08:00 - 08:50
08:50 - 09:40
10:00 - 10:50
10:50 - 11:40
1+1Fitossanidade (Mestrado acadêmico)
Fitossanidade (Doutorado)
2018/2T1RESISTÊNCIA DE PLANTAS DANINHAS A HERBICIDAS
Horários
ManhãTardeNoite
QUI08:00 - 08:50
08:50 - 09:40
10:00 - 10:50
10:50 - 11:40
2+2Fitossanidade (Mestrado acadêmico)
Fitossanidade (Doutorado)
2018/2LAORIENTAÇÃO
Horários
ManhãTardeNoite
SAB14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
2+0Fitossanidade (Mestrado acadêmico)
Fitossanidade (Doutorado)
2018/2AvPESQUISA EM FISIOLOGIA VEGETAL
Horários
ManhãTardeNoite
SEG11:40 - 12:30
1+0Fisiologia Vegetal (Doutorado)

* CH - na Graduação indica a carga horária no período; na Pós-Graduação indica a carga horária semanal.

Página gerada em 07/12/2019 05:11:17 (consulta levou 1.480642s)