Nome do Curso / Conceitos (*)
Antropologia
CC (2014)4
Nível / Grau
GRADUAÇÃO / Bacharelado
Modalidade
Presencial
Turno
INTEGRAL
Código UFPel
6020
Código e-MEC
113575
Unidade
Coordenador
A0L1L2L5L6L9L10L13L14Total
PAVE 2019/121111111110
SISU 2019/1255656111151
Criação e Reconhecimento
Curso criado pela portaria 1608 de 15 de outubro de 2009.
Curso reconhecido pela Portaria nº 45 de 22/01/2015. Publicada no D.O.U. de 23/01/2015.

Contextualização

O Bacharelado em Antropologia, criado em 2008, integra o Instituto de Ciências Humanas, da Universidade Federal de Pelotas (UFPel). O Bacharelado é contituido por duas Linhas de Formação, Antropologia Social e Cultura e Arqueologia. 
O que é a Antropologia? A Antropologia é uma Ciência cujas teorias e métodos de pesquisa buscam descrever e compreender as diferentes relações humanas em sociedade, no sentido de reconhecer e de valorizar a diversidade cultural. Para a formulação de tais teorias os antropólogos e as antropólogas baseiam-se em pesquisas de campo, nas quais visam conviver com as populações com as quais pesquisam e aprender suas práticas, seus modos de vida, sua visão de mundo, sua cultura. O campo do conhecimento antropológico está embasado na Etnografia, que compõe o modo de construção do conhecimento antropológico.
O que é a Arqueologia? É uma ciência que dispõe de um conjunto de métodos e técnicas que permite localizar, analisar e interpretar os indícios materiais da presença e da atividade dos seres humanos no seu quadro natural e cultural. O arqueólogo estuda os sistemas sócio-culturais, sua estrutura, funcionamento e transformações com o decorrer do tempo, a partir da totalidade material transformada e consumida pela sociedade.
A estrutura do currículo do Bacharelado em Antropologia foi pensada a partir de duas Linhas de Formação em que se distribuem os núcleos de disciplinas específicas, específicas optativas e/ou livres e formação complementar.
Os três primeiros semestres apresentam disciplinas comuns para ambas as linhas de formação. A matrícula do quarto semestre se encontra condicionada à opção do aluno pela Linha de Formação em Antropologia Social e Cultural ou pela Linha de Formação em Arqueologia, momento que as grades curriculares se especializam. Nesse sentido, nos três primeiros semestres do curso o aluno obterá fundamentos teóricos e metodológicos de ambos os campos de conhecimento de maneira a proceder à opção entre as duas Linhas de Formação. A opção pela linha de formação, por parte do discente, deverá ser formalizada, junto ao Colegiado do Bacharelado em Antropologia, no final do terceiro semestre, antes da realização dos Exames.
O curso busca integrar as dimensões de ensino, pesquisa e extenção, visando uma sólida formação téorica, etica e crítica da sociedade.

Objetivos

Formar profissionais aptos a desenvolver estudos e atividades relacionadas à Antropologia Social e Cultural e à Arqueologia.
Proporcionar estudos de processos sociais em contextos rurais e urbanos diversos, considerando-se as múltiplas diversidades étnico/sociais.
Estudar as relações sociais e as diferentes manifestações culturais. Nessa linha, pesquisar as diversas formas de apropriação dos espaços, em sentido sincrônico e diacrônico, por múltiplos grupos étnicos e sociais.
Caracterizar os contextos arqueológicos e antropológicos e as formas de interação entre diferentes grupos nos diversos aspectos que os constituem.
Identificar os limites e permeabilidades entre os grupos étnicos e sociais refletidos nas culturas e artefatos, isto é, na cultura material.
Realizar pesquisas antropológicas e arqueológicas.
Realizar Relatórios, Laudos, Pareceres e outros documentos nos contextos da investigação arqueológica e antropológica, sempre atendendo aos interesses públicos e das comunidades. Esses laudos, na forma da legislação vigente, poderão contemplar a compra de equipamentos e a construção de instalações físicas, de acordo com os interesses do curso e do ICH. A realização dessas atividades deverá sempre ser aprovada pelo Departamento de Antropologia e Arqueologia, pelo Conselho Departamental do ICH e pelo COCEPE.

Perfil do Egresso

O curso de Bacharelado em Antropologia objetiva proporcionar ao discente, no decorrer de sua formação, os seguintes aportes:
– domínio da bibliografia teórica e metodológica;
– destreza na comunicação escrita e oral, através de expressão clara, argumentação lógica e coerente;
– competência na articulação entre teoria, pesquisa e prática social;
– capacidade analítica;
– autonomia intelectual;
– capacidade de diálogo e ação interdisciplinares;
– iniciativa para a participação de acordos, parcerias e intercâmbios com entidades e instituições de ensino e pesquisa nacionais e estrangeiras;
– compromisso social;
– habilidade para interagir com coletividades sociais, visando seu reconhecimento, promoção e desenvolvimento sustentável.
De acordo com as diretrizes curriculares para os cursos de graduação em Ciências Sociais (Antropologia, Ciência Política, Sociologia), avalia-se que o graduado no Bacharelado em Antropologia deva ser:
– pesquisador, seja na área acadêmica ou não acadêmica;
– profissional que atue em planejamento, consultoria, formação e assessoria junto a empresas públicas, privadas, organizações não-governamentais, movimentos sociais, partidos políticos, museus, entre outros.
O egresso do Bacharelado em Antropologia pode dar continuidade a seus estudos nos diversos programas de pós-graduação na UFPel.

Competências e habilidades

Com o objetivo de construção do conhecimento intelectual e cognitivo, mais do que assimilação de conteúdos tradicionais, o Bacharelado em Antropologia buscará no estudante as seguintes habilidades:
– capacidade de ouvir, olhar e expor suas idéias em sala de aula e espaços outros, a partir de parâmetros epistemológicos;
– aptidão para trabalhar em laboratórios, desenvolvendo atividades de ensino,pesquisa e extensão;
– habilidade de estruturar um projeto acadêmico com objetivo de realizar intervenções contextualizadas;
– capacidade de realizar uma pesquisa etnográfica e/ou prática de campo arqueológica de modo a poder interpretar e estabelecer teorizações a partir dos dados coletados;
– elaboração de texto escrito sobre aspectos estudados;
– realização de uma reflexão imagética sobre aspectos estudados;
– realização de oficinas, catálogos, inventários e exposições museológicas, procedendo à análise de acervo antropológico e/ou arqueológico;
– capacidade de reflexão teórica crítica e de mediação em contexto de conflitos, por meio de relatórios técnicos, de laudos e de pareceres.

Organização Curricular

A estrutura do currículo do Bacharelado em Antropologia foi pensada a partir de duas Linhas de Formação em que se distribuem os núcleos de disciplinas específicas, específicas optativas e/ou livres e formação complementar. A integralização do Bacharelado é realizada em oito semestres, 4 anos.
Os três primeiros semestres apresentam disciplinas comuns para ambas as linhas de formação. A matrícula do quarto semestre é condicionada à opção do estudante pela Linha de Formação em Antropologia Social e Cultural ou pela Linha de Formação em Arqueologia, momento que as grades curriculares se especializam. Nesse sentido, nos três primeiros semestres do curso o estudante obterá fundamentos teóricos e metodológicos de ambos os campos de conhecimento de maneira a proceder à opção entre as duas Linhas de Formação. A opção pela linha de formação, por parte do discente, deverá ser formalizada, junto ao Colegiado do Bacharelado em Antropologia, no final do terceiro semestre, antes da realização dos Exames.
LINHA DE FORMAÇÃO EM ANTROPOLOGIA SOCIAL E CULTURAL & LINHA DE FORMAÇÃO EM ARQUEOLOGIA:
Disciplinas Específicas: 1.800h ; 70,6%
Disciplinas Específicas Optativas e/ou Livres: 420h ; 16,5%
Formação Complementar: 330h ; 12,9%
Total: 2.550h ; 100%

Procedimentos e metodologias de ensino

As disciplinas que compõem o currículo do curso, de caráter obrigatório ou optativo, prático ou teórico, terão suas metodologias e procedimentos contempladas no plano de ensino de cada docente, acordados em aula com os discentes.

Avaliação do ensino e da aprendizagem

Os professores devem seguir minimamente o que está estabelecido no Regimento Geral da UFPel, conforme os artigos 183, 184, 185, 186, 187 e 188 abaixo referidos:
Art. 183 - A verificação do aproveitamento do aluno será realizada por disciplina, abrangendo aspectos de assiduidade e avaliação de conhecimentos.
Art. 184 - A aprovação em cada disciplina é apurada semestralmente e fica condicionada a freqüência do aluno pelo menos 75% (setenta e cinco por cento) das aulas teóricas e 75% (setenta e cinco por cento) das aulas práticas.
Art. 185 O aproveitamento será aferido em cada disciplina mediante a realização de pelo menos 2 (duas) verificações com o mesmo peso, distribuídas ao longo do período, sem prejuízo de outras verificações de aula e trabalhos previstos no plano de ensino da disciplina.
Art. 186 - A média aritmética das verificações constitui a nota semestral, considerando-se aprovado o aluno que obtiver nota semestral igual ou superior a 7 (sete).
Parágrafo Único - Os graus atribuídos aos trabalhos escolares serão em número de O (zero) a 10 (dez), admitida a primeira decimal.
Art. 187 - Considerar-se-á definitivamente reprovado o aluno que obtiver, média semestral inferior a 3 (três).
Art. 188 - O aluno que obtiver média semestral inferior a 7,0 (sete) e igual ou superior a 3,0 (três), submeter-se-á a um exame, versando sobre toda a matéria lecionada no período.
§ 1º - Considerar-se-á aprovado o aluno que, feito o referido exame, obtiver média igual ou superior a 5 (cinco), resultante da divisão por 2 (dois) da soma da nota semestral com a do exame.
§ 2º - O não comparecimento ao exame importará em atribuição ao aluno, de nota O (zero).

Integração com a Pesquisa e a Pós-Graduação

A integração do ensino, graduação e pós-graduação, da pesquisa e da extensão,  se dá por intermédio dos núcleos e laboratórios vinculados ao Depatarmento de Antropologia e Arqueologia e/ou ao Instituto de Ciências Humanas. O curso conta com seguintes laboratórios: Laboratório de Ensino, Pesquisa e Produção em Antropologia da Imagem e do Som (LEPPAIS), Laboratório Multidisciplinar de Investigação Arqueológica (LÂMINA), Núcleo de Etnologia Ameríndia (NETA), Laboratório de Pesquisa e Ensino em Antropologia e Arqueologia (LEPAARQ), Grupo de Estudos Etnográficos Urbanos (GEEUR), Laboratório de Estudos Interdisciplinares sobre Cultura Material (LEICMA), GENTIS, Museu de Arqueologia e Antropologia (MUARAN) e Laboratório de Estudos Agrários e Ambientais (LEAA).
O Bacharelado em Antropologia inicou em 2008, o Mestrado em 2012, e em 2015 houve a aprovação do Doutorado,com a primeira turma em 2016.

Acompanhamento de Egressos

A realização de projetos de ensino com a participação dos egressos possibilitará um mapeamento das instituições públicas e privadas que prestam serviços à sociedade nas áreas de abrangência do Bacharelado em Antropologia da UFPEL, bem como das atividades que desenvolvem, visando a obter um desenho do mercado de trabalho e de suas exigências. 
Prevendo uma formação continuada, o Bacharelado em Antropologia realizará seminários, contando com a participação dos egressos, como organizadores, palestrantes, ouvintes. Esse trabalho enfatizará o grau de satisfação dos mesmos em relação às condições que o Curso lhes ofereceu e vem lhes proporcionando para o atendimento das exigências de sua prática profissional.
É oferecido aos graduandos e graduandas a oportunidadede seguirem seus estudos de pós-graduação na UFPel, por meio do Programa de Pós-Graduação em Antropologia, que conta com Mestrado e Doutorado.

Matriz Curricular

1º Semestre

CódigoDisciplina / Pré-requisitosCaráterCr.Horas
10900047FUNDAMENTOS DA HISTÓRIAObrigatória460
10910081HISTÓRIA DO PENSAMENTO ARQUEOLÓGICOObrigatória460
10910014INTRODUÇÃO À ANTROPOLOGIAObrigatória460
10910016INTRODUÇÃO À ARQUEOLOGIAObrigatória460
06560020SOCIOLOGIA IObrigatória460

2º Semestre

CódigoDisciplina / Pré-requisitosCaráterCr.Horas
10910036ARQUEOLOGIA HISTÓRICA IObrigatória460
10910011ETNOLOGIA AMERÍNDIA IObrigatória460
10910037PRÁTICA DE CAMPO IObrigatória460
10910019TEORIA ANTROPOLÓGICA I10910014 - INTRODUÇÃO À ANTROPOLOGIAObrigatória460
10910020TEORIA ANTROPOLÓGICA II10910014 - INTRODUÇÃO À ANTROPOLOGIAObrigatória460
10910022TEORIA ARQUEOLÓGICA I10910016 - INTRODUÇÃO À ARQUEOLOGIAObrigatória460

3º Semestre

CódigoDisciplina / Pré-requisitosCaráterCr.Horas
10910003ETNOLOGIA AFRO-AMERICANA IObrigatória460
10910004METODOLOGIA DA PESQUISA QUALITATIVAObrigatória460
10910017PRÉ-HISTÓRIA BRASILEIRA IObrigatória460
10910021TEORIA ANTROPOLÓGICA III10910014 - INTRODUÇÃO À ANTROPOLOGIAObrigatória460
10910023TEORIA ANTROPOLÓGICA IV10910014 - INTRODUÇÃO À ANTROPOLOGIAObrigatória460

Optativas

CódigoDisciplina / Pré-requisitosCaráterCr.Horas
10910056ANTROPOLOGIA BIOLÓGICAOptativa460
10910027ANTROPOLOGIA DA ALIMENTAÇÃOOptativa460
10910057ANTROPOLOGIA DA ARTEOptativa460
10910058ANTROPOLOGIA DA RELIGIÃO IIOptativa460
10910038ANTROPOLOGIA DO CONSUMOOptativa460
10910025ANTROPOLOGIA POLÍTICAOptativa460
10910077ARQUEOLOGIA CLÁSSICAOptativa460
10910079ARQUEOLOGIA PRÉ-COLOMBIANAOptativa460
10910093CONSERVAÇÃO DE MATERIAIS ARQUEOLÓGICOSOptativa460
10910046EDUCAÇÃO PATRIMONIALOptativa460
10910052ESTUDOS ANTROPO DE GÊNERO E TEORIA FEMINISTAOptativa460
10910024ESTUDOS RURAIS IOptativa460
10910061ESTUDOS RURAIS IIOptativa460
10910062ESTUDOS RURAIS IIIOptativa460
10910063ESTUDOS RURAIS IVOptativa460
10910032ETNOLOGIA AFRO-AMERICANA IIOptativa460
10910064ETNOLOGIA AFRO-AMERICANA IIIOptativa460
10910065ETNOLOGIA AFRO-AMERICANA IVOptativa460
10910066ETNOLOGIA AMERÍNDIA IIOptativa460
10910067ETNOLOGIA AMERÍNDIA IIIOptativa460
05000546ETNOMUSICOLOGIA BRASILEIRAOptativa345
05000541ETNOMUSICOLOGIA - INTRODUÇÃO E MÉTODOSOptativa345
05000544ETNOMUSICOLOGIA LATINOAMERICANAOptativa345
10910055FAMÍLIA E PARENTESCO IIOptativa460
10910044GEOLOGIAOptativa460
10910080GESTÃO DE ACERVOS ARQUEOLÓGICOSOptativa460
10910068IMAGINÁRIO E MEMÓRIAOptativa460
20000165INTRODUÇÃO À LINGUÍSTICAOptativa460
20000165INTRODUÇÃO À LINGUÍSTICAOptativa460
10910069LEITURAS ETNOGRÁFICAS IOptativa460
10910070LEITURAS ETNOGRÁFICAS IIOptativa460
20000084LÍNGUA BRASILEIRA DE SINAIS I ( LIBRAS I )Optativa460
10910048MUSEALIZAÇÃO DA ARQUEOLOGIA E ANTROPOLOGIAOptativa460
05000543MUSICOLOGIA IIOptativa345
10910053OFICINA DE IMAGEM E SOM EM ANTROPOLOGIAOptativa460
10910083PRÉ-HISTÓRIA DO RIO GRANDE DO SULOptativa460
10910012PRÉ-HISTÓRIA GERAL IOptativa460
10910071RELATÓRIOS TÉCNICOS, PARECERES, PERÍCIAS IIOptativa460
10910074SEMINÁRIO DE ANTROPOLOGIA IOptativa460
10910075SEMINÁRIO DE ANTROPOLOGIA IIOptativa460
10910076SEMINÁRIO DE ANTROPOLOGIA IIIOptativa460
10910084SEMINÁRIO DE ARQUEOLOGIA IOptativa460
10910085SEMINÁRIO DE ARQUEOLOGIA IIOptativa460
10910086SEMINÁRIO DE ARQUEOLOGIA IIIOptativa460
10910072SEMINÁRIO DE ETNOLOGIA AMERÍNDIA IOptativa460
10910073SEMINÁRIO DE ETNOLOGIA AMERÍNDIA IIOptativa460
10910047ZOOARQUEOLOGIAOptativa460

Turmas ofertadas em 2019 / 1

1º Semestre

Disciplina / Professores / HoráriosTurmaVagasMatric.
10900047 - FUNDAMENTOS DA HISTÓRIA
Horários
ManhãTardeNoite
TER18:50 - 19:40
19:40 - 20:30
20:30 - 21:20
21:20 - 22:10
T3600
10910081 - HISTÓRIA DO PENSAMENTO ARQUEOLÓGICO
Horários
ManhãTardeNoite
SEG18:50 - 19:40
19:40 - 20:30
20:30 - 21:20
21:20 - 22:10
T1600
10910014 - INTRODUÇÃO À ANTROPOLOGIA
Horários
ManhãTardeNoite
SEX18:50 - 19:40
19:40 - 20:30
20:30 - 21:20
21:20 - 22:10
T1600
10910016 - INTRODUÇÃO À ARQUEOLOGIA
Horários
ManhãTardeNoite
QUA18:50 - 19:40
19:40 - 20:30
20:30 - 21:20
21:20 - 22:10
T1600
06560020 - SOCIOLOGIA I
Horários
ManhãTardeNoite
QUI18:50 - 19:40
19:40 - 20:30
20:30 - 21:20
21:20 - 22:10
T1600

3º Semestre

Disciplina / Professores / HoráriosTurmaVagasMatric.
10910003 - ETNOLOGIA AFRO-AMERICANA I
Horários
ManhãTardeNoite
TER18:50 - 19:40
19:40 - 20:30
20:30 - 21:20
21:20 - 22:10
T1600
10910004 - METODOLOGIA DA PESQUISA QUALITATIVA
Horários
ManhãTardeNoite
QUI18:50 - 19:40
19:40 - 20:30
20:30 - 21:20
21:20 - 22:10
T1600
10910017 - PRÉ-HISTÓRIA BRASILEIRA I
Horários
ManhãTardeNoite
SEX18:50 - 19:40
19:40 - 20:30
20:30 - 21:20
21:20 - 22:10
T1600
10910021 - TEORIA ANTROPOLÓGICA III
Horários
ManhãTardeNoite
QUA18:50 - 19:40
19:40 - 20:30
20:30 - 21:20
21:20 - 22:10
T1600
10910023 - TEORIA ANTROPOLÓGICA IV
Horários
ManhãTardeNoite
SEG18:50 - 19:40
19:40 - 20:30
20:30 - 21:20
21:20 - 22:10
T1600

Optativas

Disciplina / Professores / HoráriosTurmaVagasMatric.
10910038 - ANTROPOLOGIA DO CONSUMO
Horários
ManhãTardeNoite
QUA13:30 - 14:20
14:20 - 15:10
15:10 - 16:00
16:00 - 16:50
T1300
10910025 - ANTROPOLOGIA POLÍTICA
Horários
ManhãTardeNoite
SEX13:30 - 14:20
14:20 - 15:10
15:10 - 16:00
16:00 - 16:50
T1300
10910093 - CONSERVAÇÃO DE MATERIAIS ARQUEOLÓGICOS
Horários
ManhãTardeNoite
SEG13:30 - 14:20
14:20 - 15:10
15:10 - 16:00
16:00 - 16:50
T1300
10910052 - ESTUDOS ANTROPO DE GÊNERO E TEORIA FEMINISTA
Horários
ManhãTardeNoite
SEG13:30 - 14:20
14:20 - 15:10
15:10 - 16:00
16:00 - 16:50
T1300
05000544 - ETNOMUSICOLOGIA LATINOAMERICANA
Horários
ManhãTardeNoite
QUI13:30 - 14:20
14:20 - 15:10
15:10 - 16:00
T1150
10910053 - OFICINA DE IMAGEM E SOM EM ANTROPOLOGIA
Horários
ManhãTardeNoite
SEX13:30 - 14:20
14:20 - 15:10
15:10 - 16:00
16:00 - 16:50
P1150
10910075 - SEMINÁRIO DE ANTROPOLOGIA II
Horários
ManhãTardeNoite
QUI13:30 - 14:20
14:20 - 15:10
15:10 - 16:00
16:00 - 16:50
T1200
10910084 - SEMINÁRIO DE ARQUEOLOGIA I
Horários
ManhãTardeNoite
TER13:30 - 14:20
14:20 - 15:10
15:10 - 16:00
16:00 - 16:50
T1200
10910085 - SEMINÁRIO DE ARQUEOLOGIA II
Horários
ManhãTardeNoite
QUI13:30 - 14:20
14:20 - 15:10
15:10 - 16:00
16:00 - 16:50
T1150
10910086 - SEMINÁRIO DE ARQUEOLOGIA III
Horários
ManhãTardeNoite
QUA13:30 - 14:20
14:20 - 15:10
15:10 - 16:00
16:00 - 16:50
T1300

Alunos Matriculados

Nome Ano de ingresso Semestre de ingresso

Alunos Egressos

Nome Ano de ingresso Ano de conclusão
ALESSANDRO BARBOSA LOPES20082012
BRUNA DONATO DE OLIVEIRA20102012
ELIENE BARBACHAN DUBREUILH20082012
ISABEL SOARES CAMPOS20082012
MARIA HELOISA MARTINS DA ROSA20082012
MAURÍCIO DIAS SCHNEIDER20082012
PRISCILA EVELY MARINHO MACHADO20082012
VINICIUS SCHWOCHOW PAIVA20082012
ANDRESSA PORTO PEREIRA20082013
CAMILE TEJADA VERGARA20092013
FRANCINE COSTA AMARAL20092013
JULIANE SOARES RIBEIRO20092013
LETÍCIA NÖRNBERG MACIEL20092013
LIZA BILHALVA MARTINS DA SILVA20092013
LUIZA SPINELLI PINTO WOLFF20092013
OTÍLIA MALLOÑ BASTOS20082013
ROBERTA XAVIER GONÇALVES20082013
ADRIANE DA ROSA RIBEIRO20092014
BEATRIZ HELENA CASTRO MONTOITO20092014
CAMILA FABIANE DA SILVEIRA20082014
CRISTIANO VON MÜHLEN20102014
DAIANA OLIVEIRA FELIX DE OLIVEIRA20102014
MARCOS FELIPE RUTZ BUCHWEITZ20092014
PATRÍCIA POSTALI CRUZ20082014
RICARDO RATTO FINKLER20092014
ANDRÉ LUIZ ALVES BONIFÁCIO20102015
ANELIZE MOREIRA SANTANA20092015
CÁTIA SIMONE CASTRO GABRIEL DA SILVA20092015
Dayanne Dockhorn Seger20112015
Eduarda Tavares Peters20142015
ISIS KARINAE SUAREZ PEREIRA20112015
LIDORINE GAMA CRISPA20092015
SARA CORADI20102015
SÉRGIO LUÍS BARBOSA MOTA20082015
SORAIA DE ALMEIDA20082015
SUZANA ELIZA ROLL MUNSBERG20112015
BRUNO LEONARDO RICARDO RIBEIRO20142016
FELIPE BORGES TEIXEIRA20092016
LIANE BEATRIZ BALDISSARELLA20102016
LIDIANE DA SILVA HIRDES20112016
AMANDA MEDEIROS OLIVEIRA20142017
BEATRIZ HELENA MENDES DA SILVA20132017
CRISTIANO MEIRELLES20132017
DAIANA OLIVEIRA FELIX DE OLIVEIRA20162017
GUILHERME RODRIGUES DE RODRIGUES20142017
JULIA MARIA GOLIVA DIAS20112017
LUÍSA XAVIER BARTZ20112017
MARA ELIS FERREIRA FREDES20132017
MAYSA LUANA SILVA20142017
RODRIGO OTÁVIO GOMES PEREIRA DO AMARAL GURGEL20142017
SARAH LEÃO LOPES20102017
SIMONE FERNANDES MATHIAS20142017
TATIANA NEIS ELESBÃO20142017
VANESSA ERCOLANI DUARTE20092017
VICTÓRIA FERREIRA ULGUIM20132017
VIVIANE SILVA ALVES20122017
YURI ZIVAGO YUNG GRILLO20142017
BRUNA DA ROSA ALVES20142018
FELIPE SEVERO SABEDRA SOUSA20152018
JORGE LUÍS MIRANDA ABEL20132018
MAÍRA DE MELLO SILVA20152018
MARTA BONOW RODRIGUES20102018
NAYARA CRISTINA CARDOSO20132018
PRISCILA POETA DARLEY20162018

(*) Conceitos de curso:

(**) Vagas e formas de ingresso:

  • A0 - Ampla concorrência;
  • L1 - Candidatos com renda familiar bruta per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas (Lei nº 12.711/2012)
  • L2 - Candidatos autodeclarados pretos, pardos ou indígenas, com renda familiar bruta per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo e que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas (Lei nº 12.711/2012)
  • L5 - Candidatos que, independentemente da renda (art. 14, II, Portaria Normativa nº 18/2012), tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas (Lei nº 12.711/2012)
  • L6 - Candidatos autodeclarados pretos, pardos ou indígenas que, independentemente da renda (art. 14, II, Portaria Normativa nº 18/2012), tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas (Lei nº 12.711/2012)
  • L9 - Candidatos com deficiência que tenham renda familiar bruta per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo e que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas (Lei nº 12.711/2012)
  • L10 - Candidatos com deficiência autodeclarados pretos, pardos ou indígenas, que tenham renda familiar bruta per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo e que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas (Lei nº 12.711/2012
  • L13 - Candidatos com deficiência que, independentemente da renda (art. 14, II, Portaria Normativa nº 18/2012), tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas (Lei nº 12.711/2012)
  • L14 - Candidatos com deficiência autodeclarados pretos, pardos ou indígenas que, independentemente da renda (art. 14, II, Portaria Normativa nº 18/2012), tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas (Lei nº 12.711/2012)

Localização e contatos

Página gerada em 24/02/2019 00:20:51 (consulta levou 0.693053s)